Quando a resposta não vem

Devocionais
Tipografia

Então, ele me disse: A minha graça te basta, porque o poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, mais me gloriarei nas fraquezas, para que sobre mim repouse o poder de Cristo. (2 Coríntios 12.9)

Paulo orou, por três vezes, pedindo a Deus que removesse dele algo que o perturbava. Incomodava tanto que ele o chama de “espinho na carne”, ou seja, ele está ali, presente, incomodando. A resposta à oração de Paulo é uma das sentenças mais preciosas do cristianismo: A minha graça te basta, porque o poder se aperfeiçoa na fraqueza.

Orar é a maneira como nos relacionamos com Deus, é como conversamos com ele. Isto não significa que ele nos responderá como queremos, e no tempo que queremos. Com certeza você vive uma situação que gostaria de ver resolvida rapidamente, ou que gostaria de não viver. No entanto, nem sempre podemos nos ver livres dela. Por que? A resposta é simples: o poder se aperfeiçoa na fraqueza. Quando a resposta não vem, ou não é a que nós gostaríamos, precisamos compreender os propósitos de Deus e entender que a graça dele é suficiente para nós.

Oração: Deus, prepare-me para viver e compreender tua graça, que é sem medida e que é mais que suficiente para eu viver. Em nome de Jesus, amém.

Reverendo Giovanni Campagnuci Alecrim de Araújo
Pastor da Igreja Presbiteriana Independente de Araraquara, SP
Secretário de Música e Liturgia da IPIB